O impacto social da comunicação

Em meio à quarentena e à crise ocasionada por conta do novo coronavírus, empresas de diversos segmentos repensam suas estratégias de comunicação

O impacto social da comunicação

Estamos vivendo um momento totalmente inesperado por todos os segmentos mercadológicos, inclusive na comunicação. O isolamento social em razão ao vírus que circula por todo o mundo acabou com planos e apagou o brilho de inúmeras corporações, que olhavam para 2020 como o ano de transformação.

Sair da nossa zona de conforto já é um grande desafio, que poucos praticam no dia a dia. Porém, ter de se reinventar por conta de um risco iminente à saúde é muito mais preocupante. Não estamos lidando com inovação ou estratégias de mercado, e sim com a vida de cada ser humano, tanto de forma coletiva quanto individual.

Com isso, as formas de se comunicar também mudaram. Recentemente, falamos no blog sobre o cuidado com a linguagem em materiais corporativos em meio à pandemia. Entretanto, há fatores sociais em torno da comunicação os quais devemos nos atentar.

Marketing de oportunidade

Certamente, em algum momento, você ouviu falar sobre a criação de novas oportunidades para diversas empresas durante a pandemia. Seja a ativação feita pelas marcas ou até mesmo ações sociais buscando ajudar as pessoas a enfrentar a crise. Esse tipo de estratégia, no ramo da comunicação, é conhecido como marketing de oportunidade.

Podemos conceituá-lo como ações para impulsionamento dos negócios que estão atreladas a alguma data comemorativa ou acontecimento da atualidade. Também há casos de empresas que conseguem se beneficiar de ações dos concorrentes para alavancar seus resultados.

O case Ambev e o impacto social

Hoje, podemos utilizar o exemplo da Ambev como um posicionamento estratégico que gera muita admiração perante a situação vivida. A empresa de bebidas anunciou que 500 mil unidades de álcool em gel seriam doadas para hospitais públicos, exatamente no período em que este produto se esgotou em quase todos os estabelecimentos brasileiros.

Por outro lado, é importante analisar, do ponto de vista comercial, os impactos da ação sobre a marca. O que poucos veem é que, talvez, ela não tenha sido feita para alavancar o consumo das bebidas distribuídas pela Ambev. Neste caso, foi, de fato, uma comunicação que gera impacto na sociedade como um todo.

Para se ter uma ideia, o grupo Credit Suisse divulgou que a indústria geral de cervejas teve uma queda entre 35% e 40% apenas em março. Já as vendas da Ambev caíram 10% no primeiro trimestre, acima do que era esperado e, ainda assim, a empresa buscou uma forma de contribuir com o cenário atual. Para esse período, o essencial é ter empatia e ser solidário com o próximo.

Posicionamento no ambiente digital

Na visão de muitas empresas, uma pandemia nada mais é que uma crise de imagem. O desespero bate na porta e atitudes precipitadas começam a aparecer em meio ao caos e ansiedade por um futuro melhor.

Daqui para frente, todo o modo de viver irá se transformar por completo. O consumo, hábitos e estilo de vida mudarão, e as companhias necessitam prever essas mudanças. É de suma importância analisar a crise de forma macro, para depois entrar no detalhe.

Além disso, o posicionamento no digital também crescerá, tendo em vista que as redes sociais estão sendo os principais canais de comunicação durante a quarentena. Os perfis executivos também ganham destaque nesse sentido, já que profissionais estão usando essas plataformas para expressarem suas opiniões com mais frequência. O LinkedIn, por exemplo, poderá gerar novas oportunidades de negócios, principalmente quando gerido de forma correta, com a comunicação feita no pulse e a atualização frequente dessa rede.

Dessa forma, precisamos entender que o momento atual exige um posicionamento humanizado e cauteloso. Não existe um manual de comunicação para lidar especificamente com a pandemia, mas é fundamental termos um feeling do que realmente vale a pena ser postado ou não.

Bianca Bispo é Assessora de Imprensa na IDEIACOMM.

Compartilhe este conteúdo

Talvez essas publicações também te interessem!

ÚLTIMOS CONTEÚDOS

Categorias

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS