Dicas para sair na mídia de forma orgânica

Dicas para sair na mídia de forma orgânica

Para maior exposição e credibilidade da marca, contar com o apoio de uma Assessoria de Imprensa se torna essencial

Desde os tempos mais antigos, a comunicação sempre foi uma das principais premissas para a evolução da sociedade. No meio corporativo, especialmente com o advento da tecnologia e a democratização do acesso à internet, empresas, não importa seu segmento de atuação, têm percebido a importância de investir nas melhores estratégias, a fim de conquistarem mais espaço no mercado e maior visibilidade com seu público-alvo.

Vale destacar que a área de comunicação empresarial é extremamente abrangente, de modo que aplicar estratégias nas diferentes frentes é essencial para ter uma comunicação mais assertiva. Nesse sentido, ações de marketing alinhada às vendas, inbound marketing, publicação de conteúdos nas redes sociais e blog e assim por diante são sempre bem-vindas. Além disso, outra estratégia fundamental para o posicionamento da marca é a Assessoria de Imprensa.

Apesar de o trabalho de assessoria de imprensa ainda ser visto como uma estratégia secundária por muitas empresas, uma vez que não gera um retorno que possa ser mensurado ou mesmo a conversão de novos clientes imediatamente, notícias das marcas em canais jornalísticos não traz só exposição, mas principalmente credibilidade à empresa. Além disso, quando pensamos em publicações em veículos segmentados, a visibilidade atinge diretamente seus stakeholders.

Assessoria de imprensa x anúncios

Antes de mais nada, é importante destacar a diferença entre o trabalho de assessoria de imprensa e de uma divulgação de anúncio, por exemplo. Isso porque, no anúncio, a empresa deve pagar por cada veiculação. Já na assessoria as divulgações ocorrem de forma orgânica, ou seja, é papel do Assessor “vender” a pauta ao jornalista, para que ele avalie se possui interesse no assunto e publique o conteúdo no portal, jornal ou revista, ou utilize como base para matérias veiculadas em rádio e TV.

Outro ponto importante é que, para que o trabalho seja efetivo, é fundamental que tanto a empresa quanto o assessor realizem estratégias em conjunto, avaliando as notícias sobre a organização que, de fato, podem virar pauta (nesse caso, é importante sempre buscar por um gancho noticioso e que seja de interesse do leitor que acompanha determinado veículo). Além disso, outra estratégia bem popular é a produção de artigos opinativos assinados por executivos da empresa. Deste modo, um CTO pode discorrer sobre um tema interessante para o segmento de tecnologia, por exemplo.

Como funciona a divulgação orgânica na imprensa?

O primeiro passo, conforme apontado anteriormente, é definir o que pode virar pauta. Alguns dos exemplos de assuntos que são bem recebidos pelos jornalistas de redação são:

  • Cases e parcerias de sucesso;
  • Vagas em aberto;
  • Contratações de C-Levels;
  • Organização e participação da empresa em eventos;
  • Assuntos que impactem os consumidores finais.

Há, ainda, uma série de temas que podem chamar a atenção dos jornalistas. Logo após definir a pauta, a forma de apresentar o assunto ao veículo também deve ser pensada cuidadosamente pelo Assessor, seja por meio de um press release ou nota, por exemplo, além dos próprios artigos de opinião assinados por um executivo da empresa. O texto deve conter pontos chave que atraiam o profissional que analisará aquele material.

Por fim, ao oferecer a pauta, é importante que o Assessor mantenha uma relação de cordialidade com os jornalistas de redação, apoiando-os em quaisquer dúvidas que os profissionais tenham acerca do assunto. A relação de parceria ajuda, inclusive, no envio de sugestões futuras.

Para finalizar esse texto, reforço a importância de as empresas contarem com uma assessoria de imprensa em sua estratégia de comunicação. Afinal, ter todas as ferramentas e o respaldo técnico dos profissionais da área garantirá uma exposição cada vez mais estratégica e vantajosa à empresa.

Ketheleen Oliveira é Coordenadora de Assessoria de Imprensa na IDEIACOMM.

Compartilhe este conteúdo

Talvez essas publicações também te interessem!

ÚLTIMOS CONTEÚDOS

Categorias

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS