A responsabilidade da mídia na sociedade: uma reflexão através do cinema e do jornalismo

A responsabilidade da mídia na sociedade: uma reflexão através do cinema e do jornalismo

Entenda como a relação entre as áreas pode contribuir para uma sociedade mais crítica e consciente

Há anos o cinema e o jornalismo demonstram uma relação estreita e interdependente. Ambos os campos envolvem a comunicação e a troca de informações com o público, embora utilizem de diferentes meios para fazê-los. Quando nos aprofundamos sobre a formação de opiniões sociais e como elas podem ser idealizadas a partir da construção de uma boa narrativa, é possível perceber o quanto essas áreas se interconectam e como afetam a maneira como as pessoas entendem os acontecimentos ao seu redor ou no mundo.

Desde o início da popularização do cinema, diversos cineastas procuraram no jornalismo uma inspiração que instigasse os espectadores a pensar sobre temas que não estavam presentes em suas respectivas bolhas. Um exemplo notável dessa relação é o filme ‘’Cidadão Kane’’ (1941). O longa conta a história fictícia de um magnata da imprensa, baseado em um poderoso editor de jornais do século XX. Produzido como uma reflexão crítica sobre a ética jornalística e o papel da mídia na sociedade, a obra questiona se o jornalismo pode ser uma força positiva para a democracia ou apenas uma ferramenta para os poderosos controlarem a narrativa pública.

Da política à investigação: o jornalismo em convergência com o cinema

O cinema e o jornalismo também se cruzam no campo investigativo. Nos anos 70, a exposição do caso Watergate pelo jornal The Washington Post levou ao filme ‘’Todos os Homens do Presidente’’ (1976), que retratou um dos maiores escândalos políticos dos Estados Unidos. Na época, a produção teve como finalidade demonstrar a responsabilidade da mídia em tratar assuntos de corrupção com repercussão mundial.

Apesar de distintos em sua natureza, os dois campos de comunicação possuem uma forma poderosa de contar histórias e informar o público. O jornalismo é um tema recorrente em filmes até hoje, o que demonstra como as mídias podem exercer uma influência ou clareza nos pensamentos dos espectadores.

Em resumo, a relação entre o cinema e o jornalismo pode ser considerada uma via de mão dupla, onde ambos os campos influenciam e se complementam na construção de narrativas e na formação de opiniões sociais. Enriquecidos com matérias primas da realidade, é válido destacar a importância da relação entre as duas áreas como forma de garantir a informação precisa e responsável para o público, e assim, contribuir para uma sociedade mais consciente e crítica.

Victória Profirio é Executiva de Atendimento na IDEIACOMM.

Compartilhe este conteúdo

Talvez essas publicações também te interessem!

ÚLTIMOS CONTEÚDOS

Categorias

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS